notícias

O perfil do novo sndico

28/01/2016

 

O perfil do “novo” síndico

 

 Por Daniel Moura

Inúmeros moradores de condomínios vêm se questionando sobre qual o perfil ideal para ser um síndico. O que acontece é que as particularidades dessa atividade têm exigido cada vez mais pessoas preparadas para o seu exercício.

 

Não basta apenas saber fazer contas, zelar pelo patrimônio e agendar reuniões. Além disso tudo, esses profissionais especializados em gestão de condomínios precisam suportar a pressão e encontrar o equilíbrio nas relações com as pessoas. Para isso, é interessante que eles saibam se comunicar e sejam bons negociadores.  

 

Segundo a lei, compete ao síndico:

 

Convidar os condôminos para assembleias;

“Responder” legalmente pelo condomínio;

Cumprir as determinações da assembleia;

Conservar as áreas comuns e acompanhar a prestação de serviços;

Cobrar dos condôminos as contribuições e as eventuais multas;

Prestar contas à assembleia, anualmente e quando exigidas, entre outras coisas.

Aquele síndico autoritário, que acredita ser o dono de todo o condomínio, não existe mais. Esse perfil do “novo” síndico tem ganhado cada vez mais espaço e proporcionado mais tranquilidade para os seus condôminos.

 

Caso o síndico não esteja cumprindo com as suas obrigações, o mesmo, conforme previsto em lei, pode ser destituído.

http://blog.nextin.com.br/o-perfil-do-novo-sindico/